sexta-feira, 16 de agosto de 2013

O fim?

Me desculpem?

O blog está parado a dois meses e eu não vou me perdoar por abandonar algo que eu tanto amo e nem por deixar vocês ficarem esperando.
Quando eu comecei o blog eu queria postar todos os dias e por um bom tempo eu consegui só que as coisas foram ficando difíceis e agora eu já nem posto mais.Eu queria ter mais tempo para me dedicar as fan fics só que eu não tenho mais tempo.Eu estudo o dia inteiro,saio de casa 07:00h e só volto 00:00h não tenho tempo nem para respirar e o único dia que posso ter um tempo livre é no sábado e nesse dia tenho que estudar e descansar um pouco.
Eu nunca imaginei que iria fazer o que estou fazendo mas é o fim!Eu não vou excluir o blog apenas vou parar de postar,quem sabe um dia eu volte a postar mas por um longo tempo o blog vai ficar desatualizado.
O blog vai continuar aqui para se alguém quiser ler novamente o que postei.
Bom é isso,até um dia,quem sabe.















































































sexta-feira, 14 de junho de 2013

Mini-Fic Nobody Compares

Ela ainda conseguia se lembrar de como se conheceram,de como comemoraram seu primeiro aniversario de namoro,das frases feitas que ele dizia em seu ouvido quando queria alguma coisa,de todos os momentos perfeitos que tiveram enquanto namoravam,ela se lembrava de tudo inclusive daquele maldito fato que insistia em não abandonar sua mente.
Tudo era perfeito e inesquecível.Joe era o sonho de toda garota e Demi o sonho de todo garoto.Tudo se encaixava perfeitamente,as manias irritantes,o gosto musical,os programa de TV.Eles tinham o ideal para transformar aquele namoro de adolescência em algo mais sério e duradouro.
Mas nem tudo é como desejamos que fossem.Eles eram um casal normal,eram seres humanos e algum dia um dos dois cometeria algum erro e botaria tudo a perder.
Joe:Tem certeza que você não quer ir na festa¿
Demi:Tenho
Joe:Então se você não ir eu também não vou-selinho-
Demi:Mas é claro que você vai
Joe:Sem você aquele lugar não vai ter a mínima graça
Demi:Seu amigos vão estar lá,eu tenho certeza que você vai ser divertir sem mim
Joe:Tem certeza¿
Demi:Absoluta-sorri-

As vezes nós só queremos que alguém adivinhe os nossos sentimentos sem que digamos palavra alguma e então quando nos magoamos jogamos toda a culpa naqueles que não fizeram nenhum curso para serem Mãe Dináh e não tem como adivinharem nossos sentimentos.

Nick:Deixou a namorada em casa Joe¿
Joe:Ela não quis vir-da de ombros-
Kevin:Você está se apaixonado por essa garota
Joe:Não estou não
Liam:Está escrito na sua testa que sim
Joe:ela é apenas uma garantia de que alguém sempre vai estar comigo
Kevin:Se isso não é amar então o que é¿
Joe:eu continuo o mesmo de antes
Nick:então prova
Joe:Como¿
Liam:Tem uma amiga minha louca pra te conhecer-sorri maliciosamente-
Joe:Não
Kevin:O Joe de antes não iria se importar
Joe:Mas traição é golpe baixo
Nick:Deixa ele galera o Joe ta apaixonado
Joe:-bufa-quem é a sua amiga¿

Tem coisas que você não espera e jamais quer ver como seu namorado beijar outra garota.
Demi viu mas preferia não ter visto,preferia ter ficado em casa ao invés de tentar surpreender Joe,talvez teria sido melhor porque assim quando as fofocas chegassem aos ouvidos dela Demi iria simplesmente ignorar e dizer que era mentira.Mas agora ela estava ali chorando enquanto outra garota estava nos braços daquele que deveria ser somente dela e de mais ninguém.
Ela corria mas não sabia em qual direção,tropeçava mas não sabia se era em seus próprios pés ou nas pedras e chorava como nunca antes só que não sabia se era por ela ter sido enganada ou por ter a certeza de que nem com um milhão  de desculpas dele ela conseguiria perdoar aquela traição.
Naquela noite depois de ter ficado com a tal garota que nem sabia o nome e muito menos se lembrava do rosto ele bebeu,bebeu,bebeu e caiu  nos chão aos prantos quando os amigos vieram contar que a sua namorada o tinha visto com outra e havia saído correndo.
Ele não tinha forças para ir atrás de Demi e pedir perdão,agora ele era só mais um cara bêbado com o peso de uma traição nas costas.Amanhã quando tivesse sua coordenação motora de volta,a certeza de suas palavras e um bom pedido de perdão ele procuraria Demi e a faria acreditar que ele merecia ter ela em seus braços outra vez.

Dianna:Filha você não vai levantar¿
Demi:Eu vou ficar mais um pouco na cama mãe
Dianna:Então pelo menos me diz o que aconteceu pra você ficar desse jeito
Demi:Não aconteceu nada mãe
Dianna:Foi alguma coisa na festa¿Porque estava tudo bem quando você saiu e quando você chegou já estava chorando
Demi:Já disse que não aconteceu nada mãe
Dianna:Você e o Joe brigaram¿
Demi:Não fala mais o nome dele perto de mim mãe
Dianna:A briga foi tão feia assim¿
Demi:Ele me traiu mãe,eu cheguei na festa e ele já estava se agarrando com uma vagabunda  nem se importava se outros iriam ver e depois rir de mim
Dianna:Eu sinto muito minha filha
Demi:Ta tudo bem mãe só não fala mais nele e nem nesse assunto,tudo bem¿
Dianna:Se isso vai te fazer melhor
Demi:Vai sim
Dianna:Descanse  um pouco e depois desça para comer alguma coisa
Demi:Depois mãe

Dianna:Boa tarde Joseph
Joe:Oi Dianna,a Demi está¿
Dianna:Ela está sim mas eu vou dizer que não pra você ir logo embora,então não,a Demi não está
Joe:Ela conversou com você¿
Dianna:Sobre você a ter traído¿Sim ela conversou comigo
Joe:Eu não fiz aquilo de propósito é que...
Dianna:Não é pra mim que você tem que dar explicações Joseph
Joe:Então,eu posso falar com ela¿
Dianna:Que fique bem claro que eu estou fazendo totalmente o contrário do pedido da minha filha então se ela parar de falar comigo e se revoltar com o mundo a culpa vai ser totalmente sua
Joe:Eu vou correr o riso

Demi:Mãe não precisa vir aqui de cinco em cinco segundos me ver,eu estou bem
Joe:Mas eu não estou bem
Demi:O que você está fazendo aqui¿
Joe:Eu quero conversar com você
Demi:Mas quem disse que eu quero conversar com você¿
Joe:Você sabe que nós temos que conversar
Demi:Engano seu Joe nós não temos nada pra conversar,não depois do que você fez ontem
Joe:E o nosso namoro como fica¿
Demi:Não fica Joe,nosso namoro acabou no momento em que você beijou outra garota
Joe:Eu não estou pronto pra ouvir você me dizer adeus
Demi:Mas ontem quando ficou com aquela garota você não pensou em mim
Joe:Todos os meus amigos estavam dizendo que não valia a pena ficar com você
Demi:E você sabe quantas vezes alguém veio me falar que você não valia a pena Joe¿Foram muitas e nem por isso eu te trai
Joe:Eu sei que o que eu fiz foi estúpido,sei que estraguei o que tínhamos mas vamos consertar isso,tem que haver algum jeito pra você me querer como antes
Demi:Eu jurei pra mim que não importaria quantas vezes e de quantas formas diferentes você me pediria perdão eu não iria aceitar
Joe:Ninguém nunca ficou tão bonita em um vestido quanto você Demi,ninguém nunca me fez sentir como você faz e machuca saber que você não vai ser minha essa noite,não me importa mais se meus amigos ou qualquer outra pessoa me diz que você não vale a pena porque nada vai me impedir de seguir em frente e mesmo que eu quisesse de te esquecer e achar outra garota eu não conseguiria porque ninguém se compara a você.Então só me diz como que eu vou fazer isso dar certo outra vez
Demi:Não existe um jeito Joe
Joe:-aprocima-se-sempre há um jeito Demi
Demi:Não para nós
Joe:Você esqueceu de tudo que passamos¿Porque eu não esqueci.Eu ainda me lembro de como foi difícil fazer com que você aceitasse sair comigo,e mesmo assim eu não desiste.Eu lembro do nosso primeiro beijo,o modo como seu corpo reagia ao meu-beija-lhe o pescoço-e parece que isso nunca vai mudar porque eu te amo e sei que você também me ama e quando duas pessoas se sentem como nós nos sentimos elas tem que ficar juntas-selinho-você concorda comigo¿
Demi:Para Joe,por favor
Joe:Olha pra mim Demi-segura seu rosto-eu sei que fui um babaca quando te trai mas eu te amo e não importa se agora você me diga que não me perdoa eu vou continuar tentando até você me perdoar então por que você não me perdoa e encurta o caminho para nós dois sermos feliz¿
Demi:Como você sempre consegue fazer com que eu me renda a você¿
Joe:Porque quando duas pessoas se amam é isso que acontece-beija Demi-Eu te amo-sorri-
Demi:Eu também te amo-sorri-

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Sem justificação

Céus o que eu posso dizer que faça com que vocês,se é que alguém ainda lê o blog,não me matem?
Eu sei que faz tempo que não venho aqui mas a culpa é da escola-vestibular-enem.
Falando da mini-fic,eu planejava dar um final para ela mas infelizmente a minha criatividade se casou o Harry Styles e foi morar em Londres.Bom,para a mini-fic que eu estava escrevendo ela vai ficar assim mesmo sem final mas eu já estou boando outra mini-fic e pretendo posta-la até sábado.
Bom,é isso e espero que entendam.

domingo, 12 de maio de 2013

Mini Fic - Half Of My Heart parte.2


Kevin:Como você está se sentindo¿
Joe:Normal-colocando a gravata-
Kevin:Não está nervoso ou ansioso¿
Joe:E por que eu estaria¿
Kevin:Porque você vai se casar hoje
Joe:Coloque uma coisa na sua cabeça Kevin eu não...
Kevin:Não termine essa frase
Joe:Eu....
Kevin:Você vai se arrepender
Joe:Eu não amo aquela garota
Kevin:Você é tão idiota
Joe:Como é que é¿
Kevin:Se você quisesse você já teria conseguido acabar com esse casamento.Você diz que nunca acreditou que duas pessoas pudessem se apaixonar na primeira vez que se vissem mas depois que conheceu a Demi passou a acreditar que isso é possível.
Joe:Demi¿Já estão íntimos assim¿
Kevin:-ri-Ouviu o que você disse¿Você está sentindo ciúmes-sorri-até quando vai negar que ama aquela garota¿
Paul:Joe-sorrindo-está na hora
Joe:-Suspira-E que comece o pesadelo

Joe sabia que estava perdidamente apaixonado por aquela garota,ele soube disso no momento em que sua mente começou a contar os dias para aquele casamento mas é obvio que não ia admitir isso para o seu irmão,não ia deixar que ele saísse se vangloriando.
A tradicional marcha nupcial ecoou pela igreja e todos ali presente se levantaram e automaticamente virarem-se para porta,Joe já não prestava mais atenção nas besteiras que seu irmão dizia pois seus olhos estavam vidrados na garota que agora adentrava na igreja.Ela usava um lindo vestido tomara que caia na tradicional cor branca.Em mãos ela trazia um delicado buque de flores brancas.A cabeça ereta e nos lábios um sorriso tímido e sincero.
Joe tentava segurar o sorriso gigante que tentava se instalar em seus lábios e teve que se controlar para não dizer um “Eu te amo” quando Demi segurou em suas mãos para subir os pequenos três degraus que a levariam até o altar.
Joe não prestou atenção em nenhuma das palavras do padre tudo que ele sabia fazer era olhar para Demi e pensar no quanto deveria agradecer ao seu pai por estar colocando em suas mãos uma jóia tão preciosa com aquela.
Ele não sabia o porque mas quando voltou a si a primeira coisa que ouviu foi o padre falar a tradicional e tão esperada frase “pode beijar a noiva”.Ele ficou nervoso afinal aquilo era apenas um casamento de aparências,tudo bem que ele já havia assumido para si que estava amando aquela garota mas com toda certeza do universo ela não deveria sentir o mesmo por ele.
Todos na igreja esperavam alguma reação dele afinal a frase era totalmente dirigida a ele.Joe iria beijar Demi já que se depois ela cobrasse uma explicação ele teria o argumento de que todos esperavam que aquele beijo acontecesse.
Ele segurou seu rosto entre suas mão de forma delicada,inclinou-se lentamente em direção a garota até que seus lábios se tocassem.Naquele momento mágico Joe teve a breve sensação de que faria um cover da katy Perry no clipe firework pois  sentia que a qualquer momento fogos de artifício saltariam por seu peito denunciado o quando ele já estava ligado a Demi.
Quando as palmas já  haviam cessado Demi separou seus lábios e involuntariamente Joe gemeu em forma de protesto.Ele pegou sua mão e os dois caminharam em direção a saída da igreja onde alguns convidados empolgados os receberam com uma chuva de arroz.
Enquanto os convidados iam para a festa que aconteceria após a cerimônia de casamento Joe e Demi iriam para o aeroporto pegar o avião com destino a Paris.Na hora que seus pais anunciaram o presente de casamento ele quase pulou no pescoço de seu pai mas agora essa viagem parecia tudo que ele precisava para fazer com que Demi o amasse .
Quando chegaram no hotel Joe agradeceu mentalmente seu pai por alugar um quarto de hotel com vista direta para  torre eiffel          

Demi:Eu sempre imaginei passar a minha lua de mel em Paris.Eu e o homem que eu tivesse escolhido seriamos dois apaixonados assumidos,nós iríamos a  torre Eiffel e ele me beijaria diante da vista maravilhosa
Joe:Mas agora você está aqui comigo e mesmo que você não tenha me escolhido nós estamos em Paris e a  torre Eiffel está ao nosso alcance.     
Demi:Isso foi um convite¿
Joe:-da de ombros-Talvez
Demi:Nós acabamos de chegar e está ficando tarde
Joe:Isso não me impede de ser feliz-estende a mão para Demi-impede você¿

Demi:Céus a vista daqui é linda
Joe:Valeu a pena ou não¿
Demi:Claro que sim só que se nós formos assaltados a culpa vai ser sua
Joe:Uma pequena conseqüência pra ter Paris aos nossos pés
Demi:-suspira-eu posso te fazer uma pergunta¿
Joe:-sorri-claro que sim
Demi:-encostando-se  na grade de proteção-Por que você me beijou hoje na igreja¿
Joe:-nervoso-Porque todos esperavam que fizesse tal gesto afinal para o resto da sociedade somos um jovem casal apaixonado-suspira- o seu sonho era ser beijado aqui não¿
Demi:-da de ombros-era
Joe:-abraçando-a por trás-eu sei que não o homem que você ama e que está casada comigo por obrigação mas-suspira-eu ainda posso realizar parte do seu sonho
Demi:Como assim-vira-se para ele-
Joe:-beija Demi-a parte do sonho em que você é beijada na torre eiffel 
Demi:Acho melhor  nós voltarmos para o Hotel
Joe:-suspira-tudo bem

Joe:Desculpa por aquilo é que-suspira-não sei
Demi:ta tudo bem só....esquece e por favor não faça outra vez
Joe:Nós estamos casados Demi
Demi:Mas é um casamento de aparência não é¿
Joe:Nós estamos presos um ao outro Demi e eu não estou dizendo que isso é algo ruim porque pelo menos pra mim esse casamento se tornou algo bom,muito bom-abraça Demi-e eu penso que já que estamos casados-beija o pescoço dela-deveríamos agir como um casal-beija ela-de todos as maneiras-beija seu pescoço-você não acha¿
Demi:uhum
Joe:-sorri-E que tal começarmos agora com a nossa tão esperada noite de núpcias
Demi:Acho que concordo com você
Joe:-sorri-que bom-beija Demi-

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Mini Fic - Half Of My Heart parte.1


Kevin:Ânimo cara você vai se casar
Joe:ÊÊÊ-fingindo animação-
Kevin:Não é tão ruim assim
Joe:É fácil falar quando não é você que está sendo obrigado a se casar com alguém que você nem conhece
Kevin:Eu sei que deve star sendo difícil pra você mas tenta entender o lado dos nossos pais
Joe:Nós estamos no século 21 Nick e ele quer me obrigar a casar com uma garota só por negócios¿Me desculpa mas eu não consigo entender
Kevin:Não precisa ficar tão irritado já que você não tem o que perder com esse casamento
Joe:Não tenho Nick¿E deixar de me casar com a mulher que eu amo é o que¿É ganhar¿
Kevin:Aquela garota não te ama Joe ela só está te usando
Joe:Não fale assim da Anne
Kevin:Olha esquece isso você vai se casar com a garota que nosso pai escolheu e ponto final
Paul:Ainda bem que vocês estão aqui meus filhos-sorrindo-
Joe:Qual o segundo passo para acabar com aminha vida¿
Denise:Não fale assim com seu pai Joe
Joe:Então eu vou fazer o que¿Agradecer por ele estar deixando meus sonhos em ruínas¿
Paul:-ignorando Joe-Eu tenho uma surpresa pra você meu filho-sorri-pode entrar Demetria
Demi:-tímida-Oi
Paul:Essa será a sua futura esposa-sorrindo-
Joe:-reivira os olhos-isso é mesmo necessário¿
Paul:Você não estava reclamando que ia se casar com uma pessoa estranha¿Agora aproveita para se conhecerem melhor-sai acompanhado dos outros-
Demi:Desculpe por ter vindo
Joe:Eu que peço desculpas você também está fazendo isso por obrigação
Demi:E eu ainda não entendi o por que de estar fazendo isso
Joe:Eu entendi mas preferia fingir que não
Demi:Então você pode me explicar¿
Joe:Negócios
Demi:Isso eu sei-ri-eu não entendi o por que os negócios precisam de um casamento
Joe:Porque na cabeça dos nossos pais a sociedade só vai encarar essa sociedade entre as empresas de uma forma positiva se as famílias tiverem algum laço-suspira-e aqui estamos nós fazendo esses laço
Demi:Nós estamos no século 21 o pensamentos deles é de um homem das cavernas
Joe:E você acha que eu não tentei explicar isso a ele¿
Demi:-suspira-Eu não posso acreditar que meu pai está fazendo isso comigo
Joe:-suspira-Já que estamos sendo forçados a fazer isso o que você acha de sermos pelo menos amigos¿
Demi:Eu acho bom porque não quero me casar com alguém totalmente estranho mesmo que seja por obrigação
Joe:-estende a mão-Prazer Joseph Jonas
Demi:- cumprimentando ele-Demetria Lovato.Não é estranho o fato de que a segundos atrás eu não sabia seu nome¿
Joe:-ri-como assim meu amor¿Você havia esquecido o meu nome¿
Demi:Me desculpe querido é o efeito da tequila de ontem a noite-ri-
Joe:-gargalha-temos algo em comum
Demi:-rindo-O que¿
Joe:Somos os dois totalmente idiotas
Jemi:-gargalham
Demi:Você tem razão
Joe:Bom já não somos assim tão estranhos
Demi:Como não¿Vamos nos casar e eu nem sei a sua idade
Joe:23 anos e você¿
Demi:20 anos
Joe:Não acredito que vou casar com uma criança-ri-
Demi:A diferença nem é tão grande senhor idoso
Joe:Como¿repete que eu não escutei-ri-
Demi:-rindo-sem graça
Joe:Então por que você está rindo¿
Demi:Porque foi idiota
Joe:Tudo bem eu sou um homem sério e não vou mais fazer piadas
Demi:Você um homem sério que não faz piadas¿-rindo-contou uma piada quando disse que era um homem-gargalha-
Joe:Agora você feriu meus sentimentos-finge que chora-
Demi:Own meu homem sério,vem cá vem-abraçado Joe-
Joe:-aconchega sua cabeça na curva do pescoço da Demi-hum.... seu perfume é bom
Demi:-cheira o pescoço dele-o seu também
Joe:-aproximando-se dela-Eu acho que....
Kevin:E então pombinhos apaixonados como vocês estão¿
Joe:-se afastando-huhum...bem¿
Kevin:-ri-Demi...Demmetria o seu pais está te esperando
Demi:-sorri-Pode me chamar de Demi
Joe:E eu também posso ou é só um privilégio do Kevin¿
Demi:É claro que pode Joeseph que pergunta idiota
Joe:Sendo assim então você pode me chamar de Joe-sorri-
Demi:Então até o casamento Joe-abraçando Joe-
Joe:-suspira e sussurra no ouvido dela-Seu perfume é muito bom,acho que vou ficar viciado-sorri-
Demi:-sussurrando-digo o mesmo sobre você...quer dizer...sobre o seu perfume-cora-
Joe:-Separando o abraço-Até o casamento noiva-sorri-
Demi:Tchau-sai-
Kevin:Sabe o que eu acho¿
Joe:Lá vem você e suas idiotices
Kevin:Eu acho que você e essa garota já gostam um do outro
Joe:Você deve estar ficado louco
Kevin:Chego aqui e vocês estão quase se beijando e agora dão um abraço demorado e ficam cheio de sussurros um para o outro
Joe:Fique você aí com suas ilusões e me deixe em paz

Ele podia não gostar dela mas aquele perfume ainda estava no ar,o sorriso dela era uma lembrança que ofuscava o brilho do sol e como um estalo de dedos aquele casamento já não parecia assim tão errado.

domingo, 28 de abril de 2013

Resposta






Bom acho que a fic que você está falando é a segunda e não a primeira,estou certa?
E respondendo ao seu comentário eu não terminei por falta de imaginação e eu também não estava me sentindo bem no tempo em que eu estava escrevendo a fic.
Eu já tentei continuar com a fic mas eu penso diferente agora e acho que não daria certo continuar uma coisa que eu já não terminei por falta de imaginação pra fazer uma continuação decente.
Bom é isso e espero ter respondido a sua pergunta.

domingo, 21 de abril de 2013

Mini-Fic Jemi Be Your Everything final


Na manhã seguinte ao seu aniversário Demi acordou com a frase dita por sua mãe martelando sua mente “Você o ama Demi só ainda não teve coragem de admitir”,e a resposta de Demi para esses pensamentos absurdos era de que isso era impossível.
Eles eram amigos desde sempre era impossível você conviver sua vida toda com uma pessoas e só depois de 18 anos de convivência você se apaixonar por ela,isso só acontece e filmes.Mas ela poderia estar apaixonada por ele a muito tempo e ainda não tinha percebido.Não,não e não isso não podia estar acontecendo com ela,os dois eram os mesmo melhores amigos de sempre,nenhum sentimento maior por parte da Demi em relação a Joe.

Dianna:filha hora de levantar para ir para escola
Demi:Mãe-manhosa-
Dianna:O que foi meu anjo¿
Demi:Você acha mesmo que eu-engole seco-amo o Joe¿
Dianna:-sorri-Eu tenho certeza disso meu anjo
Demi:não-enfiando o rosto n travesseiro-
Dianna:Estar apaixonada pelo seu melhor amigo é tão ruim assim¿
Demi:-afirma coma cabeça-
Dianna:Eu posso não saber muito sobre esse assunto mas nos filmes as garotas só reclamam de estarem apaixonadas pelo melhor amigos quando ele não sente o mesmo e pelo que eu sei o Joe te ama
Demi:Mas isso não podia acontecer-tira o rosto do travesseiro-sabe mãe nós somos amigos desde o nosso nascimento e agora estamos apaixonados um pelo outro
Dianna:E o que tem demais nisso¿
Demi:Isso é errado,vai contra as leis da física
Dianna:Que lei é essa filha¿
Demi:Melhores amigos nunca podem se apaixonar porque alguém sempre sai machucado
Dianna:Eu não conheço essa lei da física-ri-
Demi:-sorri-não é uma lei da física mas é verdade
Dianna:Vocês nunca foram o tipo de melhores amigos convencionais porque agora como namorados teriam que seguir os padrões¿
Demi:Eu estou com medo-sussurra-
Dianna:Medo de ser feliz meu anjo¿
Demi:Medo de admitir que eu o amo e que ele já não sinta mais o mesmo-deixa escorrer uma lágrima-
Dianna:Não se preocupe com isso meu anjo porque lá no fundo você sabe que ele sempre irá te amar e sabe também que você o ama a muito mais tempo do que imagina
Demi:Eu não sei o que fazer
Dianna:Por que não fala com ele e tira essa sensação de vazio e tortura do seu peito
Demi:Como você sabe que eu estou me sentindo assim¿
Dianna:Eu te conheço melhor do que qualquer um meu anjo-sorri-agora se arrume para ir para escola e também para encontrar seu futuro namorado-sorri-
Demi:Obrigada mãe mas eu não sei se vou fazer isso
Dianna:Você irá fazer a coisa certa não se preocupe

Naquela manhã quando chegava na escola Demi esbarrou em Joe e por segundos incontáveis ela ficou observando o garoto enquanto ele pegava seus livros caídos no chão.Aquele perfume maravilhoso invadindo todo o seu corpo e a levando a um estado de êxtase total onde ela só conseguia lembrar dos lábios doces e macios de Joe,de seus abraços apertados e de como era bom estar ao seu lado.
Demi estava inconsciente de seus atos,apenas deixava ser levada pelo mistos de emoção que rondava sua mente e quando conseguiu se libertar desse torpor que havia tomado conta de seu corpo Joe já caminhava em direção ao interior da escola.

Demi:Ai Deus eu estou ficando maluca
Miley:Falando sozinha a essa hora da manhã nega¿
Demi:Que susto seu animal
Miley:-Revira os olhos-Mas e aí o que deu pra você sair falando sozinha¿
Demi:Nada demais-da de ombros-
Miley:Abra seu coraçãozinho pra mim
Demi:-suspira-acho que eu estou apaixonada pelo Joe
Miley:Até que enfim você assumiu isso-levando as mãos ao céu-
Demi:Já não basta minha mãe falando isso e agora você também com isso
Miley:Nega minha está estampado no seu lindo rosto que você ama ele
Demi:Mas é difícil entender que eu passei a minha vida toda tendo o Joe só como meu melhor amigo e agora eu quero algo a mais
Miley:Mas agora que você finalmente admitiu que gosta dele por que você não vai recuperar o tempo perdido¿
Demi:Eu não sei Miley
Miley:Mas eu sei-empurra a amiga-corre atrás do seu bofe minha nega-ri

Demi:-suspira-Joe
Joe:-passa a mão pelos cabelos-oi
Demi:Eu queria conversar com você
Joe:Já estamos conversando,não estamos¿
Demi:Estamos
Joe:então já que estamos conversando o que você quer me dizer¿
Demi:Eu-sussurra-me ajuda Joe
Joe:Te ajudar no que¿
Demi:-suspira-Nos que eu preciso te dizer
Joe:Se eu não sei o que você quer me dizer como eu vou te ajudar¿
Demi:Não dificulte as coisas Joe-suspira-eu quero dizer que-sussura-eu amo você
Joe:Eu não escutei Demi
Demi:Eu amo você Joe
Joe:Você me ama como amigo¿
Demi:Eu te amo como você me ama
Joe:Então agora você me ama¿
Demi:tenta me entender Joe,nós sempre fomos melhores amigos era difícil te imaginar de outro jeito
Joe:Eu te entendo-da de ombros-mas melhores amigos se apaixonam né¿-sorri se aproximando-
Demi:Acho que sim-sorri-
Joe:Eu te amo-beija-a-
Demi:Eu te amo-sorri-

Denise:Então vocês estão namorado de novo¿
Joe:-Afirma com a cabeça-
Dianna:Aleluia nada mais de Demi se arrastando pelos cantos da casa
Demi:Obrigada mãe
Denise:Ai o Joe também estava assim
Dianna:A Demi parecia uma criança de cinco anos sem brinquedo novo
Denise:E o Joe então¿
Joe:-sussurra-O que você acha de fugirmos¿
Demi:-sussurra-Acho uma ótima idéia
Joe:-sussurra-então vamos para as colinas-sorri e sai puxando Demi pela mão-
Denise:Onde os dois foram¿
Dianna:Foram ser felizes-sorri-

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Um Dia Feliz


                                                                         

E você acha que indo em um show aquela sua vontade insaciável de ver seus ídolos e maridos de perto vai passar ou pelo menos amenizar mas na verdade essa vontade é só mais intensificada pelas lembranças que insistem em habitar a sua mente 24 horas por dia.As lembranças de momentos felizes e que talvez nunca mais se reptam ficam em sua mente e o seu coração bate rápido com um simples "Jonas Brothers" e tudo fica ainda pior com aquela maldita depressão pós show que mesmo que para os outros pereça brincadeira de fã dramática é um dos piores sentimentos que alguém pode sentir.Lembra do quão triste você ficou por não ter encontrado e Fernanda Schein.
Então a sua mente viaja para os momentos antes do show e você lembra daquelas meninas super legais que você conheceu na fila e em segundos você se vê tentando imitar o sotaque carioca super fofo de uma menina e mesmo que vocês se tenham falado somente aquele dia você queria muito que vocês morassem no mesmo lugar, sente saudade daquela mãe que estava lá pra ver a filha saciar por algumas horas a vontade de ver seus ídolos e ficou com a sua toalha e você tem vontade de ir na casa dela não pra pegar a toalha mas sim pra bater mais uns papinhos legais e ela te dar dicas de como respirar da forma correta.Então você se pega rindo sozinha e lembrando da loucura que fez para bater uma foto com a Kéfera e dizer que ama ela,das pessoas rindo do seu desespero enquanto tentava chamar a atenção dela com gritos desesperados de "Eu te amo sua gostosa".
E agora o seu coração está apertado em batidas descompensadas e o medo de nunca mais ver aquelas pessoas e talvez não repetir aquele dia toma conta de você,mas tem que fechar os olhos e pedir que todas aquelas memórias continuem intactas na sua mente para que se um dia você encontras aquelas pessoas vocês possam suspirar juntas pelas lembranças de um dia de muitas emoções e felicidade!

sexta-feira, 29 de março de 2013

Mini-Fic Jemi Be Your Everything parte 2


Demi:Oi-sorri-
Joe:-vira de costas-
Demi:Vai continuar me ignorando até quando¿
Joe:Não estou te ignorando
Demi:Então olha pra mim e fala isso
Joe-olhando Demi-por que você não me deixa sozinho¿
Demi:Para de agir assim comigo
Joe:-dá de ombros-sou assim com todos
Demi:Eu quero o meu amigo de volta
Joe:E eu quero a minha namorada de volta só que isso é impossível,não é Demi¿
Demi:Se eu pudesse voltar no tempo-sussurrando-
Joe:Eu não estou chateado com você por não me amar,até porque eu não posso te obrigar a sentir o mesmo que eu sinto por você.Eu estou magoado é por você ter esperando seis meses pra me falar isso.
Demi:Eu estava criando coragem
Joe:tanto faz isso agora que já acabou tudo
Demi:Eu queria poder esquecer isso tudo que aconteceu
Joe:Mas você não pode simplesmente fingir que isso não aconteceu,NÃO PODE DEMI-passa a mão nos cabelos-eu ainda te amo Demi e eu não posso ignorar isso
Demi:Eu quero que você volte a ocupar o lugar de meu melhor amigo
Joe:Eu ainda sou seu melhor amigo Demi
Demi:Mas nada é como era antes-suspira-eu sinto falta do tempo e que você não me amava
Joe:Eu sempre te amei Demi-cai uma lágrima-e acho que sempre vou amar

Tudo o que ela queria agora era poder sentir o mesmo que ele e fazer toda aquela sensação de estar sufocando passar.
Era mais fácil quando eram os dois eram crianças e a palavra amor não machucava tanto.
Voltar no tempo era tudo que os dois queriam.Ela queria voltar e ver no tempo onde foi que ela esqueceu de reparar que ele talvez fosse o cara perfeito para fazer ela feliz pelo resto da eternidade.E Joe só queria voltar no tempo e arrumar o infeliz dia em que reparou que ela era a garota perfeita para fazer ele feliz pelo resto da eternidade.Mas agora ele é só o cara mais infeliz do planeta terra,ou será que é só mais um dos homens que cometeu o erro de se apaixonar pela melhor amiga¿Tanto faz a resposta já que tudo que ele queria no momento era somente não se sentir incapaz de fazer Demi o amar de uma forma mais intensa do que um sentimento de amigo.

Enquanto para o resto da humanidade já tivessem passado duas semanas para Joe e Demi o tempo parecia os levar para um mundo paralelo onde os dois fingiam que não se conheciam.Ele isolado em uma mesa do refeitório ouvindo sua seleção de músicas depressivas que de uma forma inexplicável o faziam se sentir melhor e ela cercada das amigas que não conseguiam entender o porque de Demi não estar ao lado de Joe brincando e gargalhando como sempre foi porque até quando estavam namorando eram os mesmos palhaços de sempre.
Voltando no tempo e pensando bem nada mudou quando Joe e Demi começaram a namorar.Eles eram os mesmos adolescentes que agiam como palhaços de circo.Mas uma coisa era diferente era melhor.Eles podiam aproveitar mais o outro sem medo de cometerem erros,podiam se abraçar e se beijar sem pudor porque eles eram namorados e se amavam.Sim eles se amavam e mesmo que Demi não tenha percebido ela finalmente tinha encontrado tudo o que sempre quis,tinha finalmente encontrado o homem que iria fazer ela feliz pelo resto da eternidade.

20 de agosto de 2013 Joe e Demi estavam completando mais um ano de vida e se isso fosse a um tempo atrás Joe estaria acordando Demi com seu tradicional pulo do golfinho mas hoje isso não aconteceu,ela acordou sozinha e triste por nada mais estar como era antes.Ela e Joe hoje completavam 18 anos.Eles estavam planejando comemorar essa data de um jeito especial e só deles mas o que impedia de eles fazerem isso é que os planos haviam sido feitos quando os dois ainda namoravam e mesmo que pra Demi fosse fácil fingir que nada aconteceu para Joe não era a mesma coisa.Ele não queria ter que olhar pra ela e ter que apagar da sua memória os melhores momentos de sua vida.Então enquanto ela acordava sozinha ele procurava uma forma de fazer tudo aquilo doer menos e sua vida voltar a fazer algum sentido.

Dianna:Bom dia aniversariante mais linda desse mundo
Demi:Bom dia mãe
Dianna:Está tudo bem Demi¿
Demi:Está é só que...
Dianna:Você queria que o Joe estivesse aqui¿
Demi:Está tão na cara assim¿
Dianna:Vocês sempre foram tão unidos eu não consigo entender o que aconteceu pra vocês se afastarem tanto
Demi:O Joe me ama e eu não sinto o mesmo por ele-suspira-isso aconteceu
Dianna:Tem certeza que você não sente o mesmo por ele¿
Demi:Sinto que você quer insinuar alguma coisa
Dianna:-sorri-é só olhar nos seus olhos que todos vão achar o mesmo que eu
Demi:E o que você acha mãe¿
Dianna:Você o ama Demi só ainda não teve coragem de admitir